Cinegoga#35 – A Ilha: vida plena

ITUNES ASSINE

Lincoln Six-Echo é o residente de uma aparente Utopia confinada em um cenário subterrâneo no ano de 2019. Como todos os habitantes deste ambiente cuidadosamente controlado, Lincoln espera ser o escolhido para ir morar na Ilha, anunciada como o último pedaço de terra não contaminado do planeta terra. Mas Lincoln logo descobre que tudo acerca de sua existência é uma mentira. Ele e todos os outros habitantes do recinto são na verdade clones. Lincoln realiza uma fuga audaciosa com uma bela residente chamada Jordan Two-Delta. Implacavelmente perseguidos pelas forças do sinistro instituto que já os abrigou, Lincoln e Jordan se engajam em uma corrida por suas vidas e para literalmente conhecerem seus criadores.

Em determinado momento, logo no início do filme, vemos Lincoln inconformado com a rotina e o sistema de vida daquele ambiente social. Quem decide o que comer, e quando comer, quem dá todo o suporte para a estrutura e quem define a hierarquia. As pessoas são apenas instruídas a fazerem o que se manda. Por que todos precisam vestir roupas brancas. Eu queria saber as respostas, indaga ele, eu queria que houvesse mais.

– Mais? – Pergunta Merrick, seu médico.

– Sim, – retruca Lincoln – mais do que apenas esperar para ir para a Ilha.

Não é frustrante esse sentimento de que deve haver mais do que a vida nos oferece? Com certeza essa dúvida não existe apenas na cabeça de Lincoln. Muitos passam a vida desejando algo mais profundo, mais significativo para suas vidas. Inclusive muitos cristãos. Apenas vagam pela vida almejando algo que os faça se sentir completos, plenos.

Cristo certa vez falou em João 10:10, “O ladrão vem apenas para furtar, matar e destruir; eu vim para que tenham vida, e a tenham plenamente.” O que você imagina quando Jesus  afirma devemos ter uma vida plena? Você acha que nós, principalmente como cristãos, experimentamos essa tal vida plena que Jesus anunciou? Será que há mais em nossa jornada do que apenas ficar esperando pelo céu, ou já podemos viver o Reino de Deus hoje?

Jesus veio para que tivéssemos vida em abundância. Para vivêssemos plenamente, com senso de propósito e restaurados. Mas a única forma de fazer isso é mudar o nosso foco para as coisas que realmente importam, e para aquilo que está além do temporário e terreno.

Paulo diz aos Colossenses, “Mantenham o pensamento nas coisas do alto, e não nas coisas terrenas. Pois vocês morreram, e agora a sua vida está escondida com Cristo em Deus”.

Precisamos ajustar nosso foco para as coisas que importam. O mundo sempre tenta nos convencer que possui tudo que precisamos. Mas manter o foco nas coisas eternas, como amor, compaixão, respeito, paciência e bondade, manter nosso foco em Cristo, nos permitirá ter uma vida abundante nele já aqui no presente. É através de Jesus que teremos uma vida incrível, cheia de propósito e felicidade.

itunes cine

Leonardo Agrelos
Se acha um host, mas não sabe houstear. Se acha um podcaster, mas tem a linguá presa. Se acha um nerd, mas nunca terminou de ler O Senhor dos Anéis. Se acha um escritor, mas sempre procura no Google como se escreve impeachment. Entre tantos achismos uma certeza, a de que tem que melhorar como pessoa para parecer menos com um babaca.
http://www.pupilasembrasas.com.br
Top