Pupilas em Brasas #96 – Sense8: Calçando a Sandália do Outro

***Spoiler somente da primeira temporada***

Será que depois de Matrix os irmãos Wachowski finalmente acertaram alguma coisa? Panfletário ou sensível? Revolucionário ou brega?

Além do horizonte surge um arco íris. E escorregando por ele estão, Léo Agrelos, Thaís Xavier, Bruno Guedão (Salada Cult) e Nito Xavier  para conversarem sobre essas e outras polêmicas que envolvem a série mais colorida da locadora vermelha.

Embora a série não seja muito indicada para assistir com toda a família na sala, esse podcast pode. Fica tranquilo. Chame a babãe e aperte o player.

Nossas rede: Facebook|Instagram| Twitter

Leonardo Agrelos
Se acha um host, mas não sabe houstear. Se acha um podcaster, mas tem a linguá presa. Se acha um nerd, mas nunca terminou de ler O Senhor dos Anéis. Se acha um escritor, mas sempre procura no Google como se escreve impeachment. Entre tantos achismos uma certeza, a de que tem que melhorar como pessoa para parecer menos com um babaca.
http://www.pupilasembrasas.com.br
  • Bruno Guedão

    Ainda não terminei a segunda temporada, mas to achando bem mais panfletária do que a primeira… fugindo muito da narrativa em vários momentos. O que vocês acham?

    • Achei que perdeu aquela sacada legal de se preocupar com os personagem e focar mais na “ciência” dos sense8. Pra mim essa foi uma escolha ruim, já que adorava o drama dos personagens e achei as explicações bem confusas e mal montadas.
      Deu uma baita queda de qualidade, espero que volte a ser aquela série que amava. Rsss

  • Helra adorei o Cast,confesso que fiquei meio chocado com as primeiras cenas de Sense 8.Mas é interessante que depois vc só enxerga pessoas.Gostei tanto do cast que não tenho nem medo de mostrar para os meus amigos que são Homossexuais.

  • Igor Reis

    Fala pessoal, muito legal o cast. Eu sempre acho que cena de sexo é desnecessária. A coisa mais ridícula que eu vi, relacionado a isso, aconteceu na última temporada de Game of Thrones. Em um episódio, quando a série volta do intervalo, tem um close em uma verruga situada em uma glande. Como assim?! Totalmente desnecessário. Eles fazem essas coisas pra dar jus ao canal e ao gênero. Alguns podem dizer que é pra situar a época. Será que não dava pra fazer de outra forma?

    Essas cenas de sexo sempre me deixava constrangido quando eu era adolescentejovem. Os adultos tem o dom de chegar na hora. Até hoje eu acho constrangedor.

    Falando sobre a série. Nunca vi. Apesar da “osadia”, coloquei na minha lista pra ver logo! Abraços

  • Interessante o papo, apesar de não ter visto a série. Gosta da “ideia” da série, de um sentir o que o outro sente. Lembrei de empatia, que me lembra o que Jesus disse sobre amor, que me lembra que precisamos se colocar mais no lugar dos outros. 🙂

    Abraço
    EddieTheDrummer (PADD)

Top