Pupilas de Segunda #71 – Um Universo Para Chamar de Seu

Estamos aqui de novo…

Dessa vez Léo Agrelos e Nito Xavier convidam Igor Reis, para bater um papo sobre o Universo.

Venha conosco para essa viagem no universo expandido do cinema.

Aproveite para deixar seu comentário sobre esse maneira que Hollywood inventou para pegar nosso dinheiro.

Nossas redes: Facebook| Instagram| Twitter

Nito Xavier
Professor apaixonado pela profissão, cristão entusiasta, criador de teorias fracassadas e como diria minha mãe: falador de abobrinhas.
http://pupilasembrasas.com.br
  • Na verdade, todos estamos na Matrix, só que as máquinas ainda tem controle total. Ou estamos em um reality show de alienígenas, a la “Show de Truman”. hahahaha

    Abraço
    EddieTheDrummer (PADD)

  • Irving Reis

    • Rodrigo Cintra

      Este vídeo é muito bom. O canal nostalgia fez um com dublagem brazuca kkkk

  • Irving Reis

    Sobre o porque de não haver mais filmes sobre a Terra Média, do Tolkien. A questão é que o diretor do Tolkien State, que administra e edita as obras de J R R Tolkien, é Christopher Tolkien, filho do escritor, que editou os livros que foram publicados após a morte do pai, juntando manuscritos dele. A questão é que Christopher, que já tá bem velhinho, é MUITO chato com a obra do pai, extremamente exigente, e foi muito difícil ele concordar em vender os direitos para fazerem os filmes de O Senhor dos Anéis e pior ainda para vender do Hobbit, sendo que após a maravilha que foi esse último filme ele deve estar amando a possibilidade de fazerem mais um filme sobre algum outro trabalho. Fora isso, ele ainda está processando a New Line Cinema por causa de direitos de merchandaising sobre os jogos. OU SEJE, enquanto as obras não estiverem em domínio público e/ou o Tolkien State não precisar de dinheiro, pode tirar o cavalinho da chuva em ver um filme novo (ou quem sabe até série) sobre as obras do Tolkien. Vamos nos contentar com os jogos mesmo…

    abaixo um link explicando melhor a situação:

    http://tolkienbrasil.com/artigos/sobre-christopher-um-ensaio-sobre-a-decisao-do-filho-de-tolkien-em-nao-permitir-mais-nenhuma-licenca-para-filmes-sobre-seus-trabalhos/

    • Rodrigo Cintra

      Gosto do universo criado por Tolkien mas enquanto não baixar os holofotes do P. Jackson nada de lá será bom. Usando o HP como exemplo as mudanças de diretores foram fundamentais p a evolução dos filmes, tem muitos furos? claro que tem. Mas muitos foram ajustes p dar dinâmica a telinha.

  • Irving Reis

    A Questão sobre os filmes do Universo da Terra Média, do Tolkien, é que quem tem os direitos sobre as outras obras do Tolkien é o filho do J R R Tolkien, o Christopher Tolkien. Christopher na verdade é o editor das obras que foram publicadas após a morte do pai, e ele é MUITO chato com levar elas para outras mídias, como o cinema, porque ele tem um apreço imenso pelos trabalhos do pai. Então depois da maravilha que fizeram com O Hobbit é praticamente impossível ele permitir outros filmes, sendo que ele já está processando a New Line Cinema por causa de direitos de merchandaising sobre os video games. OU SEJE, a possibilidade de Christopher Tolkien, que já tá bem velhinho, coitado, permitir um filme (e quem sabe até série) é 0%. Teremos que esperar as obras de Tolkien caírem em domínio público ou o Tolkien State precisar de dinheiro, para vermos uma nova obra cinematográfica sobre o Universo Tolkien.

  • Olá!
    Achei interessante o que o Nito falou sobre nós estarmos mudando de acordo com o tempo.Um exemplo que uso é o próprio Transformes.Quando vi o primeiro pensei:”Pode vir 80 filmes desse que mesmo sem história eu verei”.e não,no terceiro eu já estava saturado,tanto que nem vi os 2 últimos,e tenho para mim que não perdi nada….Mas a Marvel é cuidadosa nisso como falou o Leo.Vcs falaram do universo do Mestre Tarantino,se não viram vejam um curta chamado “Tarantino’s Mind”,onde o Seu Jorge e o Selton Melo conversam sobre o universo tarantino,é muito bom.E sobre o que o Nito falou sobre o universo que ele pensou só tenho uma coisa a dizer,na verdade é uma dica:Fica como professor mesmo.Abraços a todos.

Top